FABAMED: Nega atrasos de salários e repudia falsas denúncias

SIMÕES FILHO: Após termos recebidos, via redes sociais, com reclamações e denuncias de que a FABAMED, não havia pago os salários dos profissionais, do HMSF – Hospital Municipal de Simões Filho, a equipe de jornalismo, manteve contato, com o presidente da Fundação, Dr. José Rodrigues, solicitando informações e veracidade das supostas irregularidades…

RESPOSTA – FABAMED

Somos  uma entidade Fundada pela Associação Baiana dos Médicos (ABM), a FABAMED com qualificação comprovada na prestação de diversos serviços na área de saúde desde 17 de outubro de 2001, voltada à área da Saúde.

Repudiamos, a veiculação de informações Fake, sobre atrasos das nossas obrigações com os colaboradores, do Hospital Municipal de Simões Filho, ou de quaisquer outra unidade hospitalar sob nossa responsabilidade. Qualificamos como improcedente, desonesta esses infundados boatos. Cumprimos, rigorosamente com a nossa missão em promover melhoria das condições de saúde da população de ações voltadas para promoção, prevenção e recuperação da saúde. Não negociamos nossos valores: Ética, Transparência, Compromisso, Inovação, e Responsabilidade Social.

Por fim, agradeço o contato do Redação Nacional, e o profissionalismo em checar, direto na fonte, se o fato denunciado é verdadeiro. Neste caso, é mais um ataque covarde ao sério trabalho desenvolvido por todo corpo consultivo e colaboradores da Fundação FABAMED.

Ouçam, apertem o play o áudio, desabafo, encaminhado pelo Dr. Jose Rodrigues – Presidente Fabamed, ao Redação Nacional.

Fonte: Redação Nacional

“O seu apoio mantém o jornalismo vivo. O jornalismo tem um papel fundamental em nossa sociedade. O papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro.

Esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional. Compromisso com a verdade

Precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos. .”

Copyright © 2019, Redação Nacional. Todos os direitos reservados

Deixe o primeiro comentário