Jovem Aprendiz Empreendedor abre inscrições para 600 vagas a partir de terça (25) – Secretaria de Comunicação

Foto: Valter Pontes/Secom PMS

O Parque Social e a Prefeitura de Salvador, por meio da Secretaria Municipal de Gestão (Semge), abrem inscrições na próxima terça-feira (25), a partir das 10h, para o processo seletivo do projeto Jovem Aprendiz Empreendedor. Os interessados devem acessar o link  preencher a ficha de inscrição. O projeto visa selecionar 600 jovens e adolescentes, com idade entre 14 e 21 anos, residentes no município de Salvador.

Para participar do processo seletivo do Projeto Jovem Aprendiz Empreendedor, os candidatos devem estar cursando, no mínimo, o 9º ano do Ensino Fundamental ou o Ensino Médio em uma escola da rede pública de ensino regular. Aqueles que já concluíram o Ensino Médio também são elegíveis, desde que tenham estudado em escola pública.

Outro requisito importante é possuir Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) sem nenhum registro de atividade profissional anterior. A comprovação de renda familiar é necessária, sendo que o rendimento por cada pessoa deve ser de, no máximo, meio salário mínimo. Além disso, os candidatos devem ter disponibilidade para frequentar as atividades do projeto no contraturno das aulas, caso ainda estejam matriculados na escola pública regular.

As vagas serão distribuídas da seguinte forma: ampla concorrência e cotas para pessoas pretas e pardas, filhas de mulheres vítimas de violência doméstica, pessoas com deficiência e adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas. O processo seletivo será realizado via internet e terá três etapas eliminatórias: inscrição, análise dos documentos encaminhados no ato da inscrição; comprovação de renda e cota.

A diretora-geral do Parque Social, Sandra Paranhos, destaca a importância do projeto para a formação dos jovens. “O Projeto Jovem Aprendiz Empreendedor tem sido uma iniciativa transformadora na vida de muitos jovens e adolescentes em Salvador. A experiência adquirida em edições anteriores nos mostra o impacto positivo deste projeto na trajetória profissional e pessoal dos participantes”, diz.

O titular da Semge, Rodrigo Alves, destacou que a Prefeitura tem investido em políticas que possam fortalecer o desenvolvimento da cidade em todas as áreas, a exemplo da econômica e da social. Neste contexto, o programa Jovem Aprendiz Empreendedor se faz ainda mais necessário.

“Para esse desenvolvimento precisa-se de pessoas capazes para fazer frente aos desafios. Então além dos jovens terem a oportunidade de iniciarem no mercado de trabalho eles terão a continuação da sua formação, compartilhando horas do estágio para avançar na qualificação. O programa, que dobrou a capacidade ao sair de 300 para 600 vagas, é mais uma demonstração de comprometimento com a qualidade e o desenvolvimento da cidade por meio da excelência”, finaliza.

Como funciona – O Jovem Aprendiz Empreendedor oferece formação teórica e prática, no período de 17 meses, na função de Auxiliar de Escritório, com o propósito de desenvolver conhecimentos e competências que sejam relevantes para a vida profissional, pessoal e social dos participantes. Além disso, o projeto tem como objetivo proporcionar formação profissional e oportunidades de inserção no mercado de trabalho para adolescentes e jovens, por meio de atuação em órgãos da administração pública municipal. O regulamento está disponível no link 

Fonte: Clique aqui

O seu apoio mantém o jornalismo vivo. O jornalismo tem um papel fundamental em nossa sociedade. O papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro.

Compromisso com a Verdade, esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional.

Precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos

Deixe o primeiro comentário