Simões Filho: Professores protestam no plenário, e gritam.. “Professores, na rua… Prefeito,(Dinha), a culpa é sua…”

Simões Filho: Município localizado na RMS – Região Metropolitana de Salvador, uma das cidades com maior arrecadação, dentre os 417 municípios que formam o Estado, nos últimos anos apresentou uma queda no ranking de arrecadação, deixando de ser a 6ª maior arrecadação, atualmente está na 10ª posição segundo dados estatísticos do IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

Redes Sociais – Ebuxixo

EDUCAÇÃO

A atual administração do Poder Executivo, desde 2017 está sob responsabilidade do prefeito Diógenes Tolentino Oliveira, Dinha. E, uma das principais secretárias, Educação, após mais de 7 anos de governo confirma que o plano de governo é falho, o município, durante o primeiro e segundo mandato do prefeito Dinha já trocou mais de 5 vezes os que deveriam ser responsáveis por implantarem as políticas municipais de educação na cidade de Simões Filho.

ENTREVISTA – PANORAMA DE NOTÍCIAS

A professora Rosângela Maia, do quadro efetivo da Prefeitura de Simões Filho, concedeu entrevista ao âncora do Panorama de Notícias – Ataíde Barbosa,  e com coragem expos a caótica situação enfrentada pelos professores da Rede Municipal de Educação de Simões Filho.

REINVINDICAÇÕES

Através do sindicato Delegacia APLB – Simões Filho, a mais de 30 dias, que aguardam contato com o prefeito Diógenes Tolentino Oliveira, ontem em assembleia discutimos quais seriam nossas reinvindicações, nesta Caminhada de Protesto. Até o momento não foi aberta as negociações sobre o índice de aumento do magistério para 2024, tão pouco houve correção para àqueles professores que ganham abaixo do piso.

PLANO DE CARREIRA

Trata-se de um problema antigo, nosso  Plano de Carreira, embora a prefeitura esteja pagando o piso 2023, porém na tabela não houve reajuste aos professores, mestre, que possuem Mestrado, Doutorado e Tempo de Serviço. Não é aplicado o valor do piso do magistério o que causa grandes e graves distorções nos vencimentos dos trabalhadores.

CAMPANHA SALARIAL 2024

Segundo declarou professora Rosângela Maia, até o momento o prefeito não apresentou nenhuma proposta, ao Sindicato, “Estamos correndo contra o tempo, o prazo limite é até próximo dia 5 de abril…”

PREFEITO NÃO RECEBE COMISSÃO PROFESSORES

“Fizemos a concentração, em frente a PMSF, Dinha não apareceu, segundo o diretor-presidente, APLB, professor Rui Lázaro, um “Secretário de Governo”, infoRmou a ele que seria proposto um reajuste de 4,”uns quebrados“%…

Não houve proposta sobre o Vale Alimentação, estamos com valores congelados a mais de 10 anos, nosso sentimento é de insegurança, tudo é especulação, assim como em negociações anteriores com essa gestão…”

COMISSÃO EDUCAÇÃO 

Estivemos conversando com o presidente da Comissão de Educação da Câmara de Vereadores, nossa expectativa é desanimadora, a casa aprovou o pagamento do Auxílio Tecnológico, nunca foi pago, as resoluções acordadas com os vereadores, não são cumpridas, o sentimento é de descaso, falta de comprometimento, decepção.

Apertem o PLAY e ouçam na íntegra o entrevista, concedida ao Panorama de Notícias, gentilmente cedida ao Redação Nacional.

“O seu apoio mantém o jornalismo vivo. O jornalismo tem um papel fundamental em nossa sociedade. O papel de informar, de esclarecer, de contar a verdade e trazer luz para o que, muitas vezes, está no escuro.

Compromisso com a Verdade, esse é o trabalho de um jornalista e a missão do Redação Nacional.

Precisamos de você e do seu apoio, pois juntos nós podemos, através de matérias iguais a essa que você acabou de ler, buscar as transformações que tanto queremos”

 

Deixe o primeiro comentário